18º CONGRESSO DOS CORRETORES: EX-JUDOCA FLÁVIO CANTO PASSOU MENSAGEM DE OTIMISMO AOS CONGRESSISTAS

Voltar
A+
A-

Por Coordenadoria de Comunicação Social   |   17 de Outubro de 2013

Na tarde do segundo dia de Congresso, o campeão olímpico Flávio Canto contou um pouco sobre sua trajetória, carreira e sobre o seu instituto Reação. Durante a palestra, o lutador passou mensagem de motivação, superação e otimismo aos congressistas.

Canto lembrou o início de sua carreira no judô, aos 14 anos, influenciado pelo campeonato olímpico de Aurélio Miguel. Como iniciou em uma idade relativamente avançada, o atleta sentiu-se em desvantagem em relação aos seus adversários. Passou então a dobrar seus treinos. Em 2004, conquistou a medalha de bronze nas olimpíadas de Atenas.

Ao mesmo tempo, o atleta começou a realizar projetos sociais na comunidade da Rocinha, no Rio de Janeiro. Alguns anos depois, Flávio criou, com a ajuda de amigos e familiares, o projeto Reação, no qual dá aulas de judô em comunidades carentes na capital fluminense.  Além da prática do esporte, o projeto também fornece aos alunos atividades complementares. Hoje, a ONG abriga mais de mil crianças em cinco unidades na cidade.

O ex-judoca falou sobre o quanto é importante ser otimista e perseverante. “Tem que ter coragem, otimismo e determinação em qualquer coisa que você faça na sua vida. Sempre tento mostrar para os meus alunos que nada é impossível e que pouquíssimas coisas são irrealizáveis”, disse o atleta.

Outras Notícias