Projeto social doou acervo a escola pública do Rio

Voltar
A+
A-

Por Coordenadoria de Comunicação Social   |   9 de Setembro de 2013

Alunos do Colégio Estadual Antonio Prado Junior, no Rio de Janeiro, ganharam mais um incentivo à leitura. O programa social Asas para Voar, mantido pela Escola, doou cerca de 270 livros infanto-juvenis à biblioteca Professor Paulo Freire, do Colégio. A cerimônia de entrega do novo acervo aconteceu no dia 21 de agosto, com presença de alunos, docentes e representantes da Escola.

O professor de Língua Portuguesa e Literatura, Roberto Almeida, demonstrou entusiasmo com os novos títulos. “Essas doações só têm a enriquecer a nossa escola. É através da leitura que os jovens aprendem a se expressar, escrever melhor, trocar ideias e se posicionar. E a biblioteca é o espaço onde se estimula esse hábito”, avaliou.

Carla Pieroni, superintendente de Comunicação e Marketing da Escola, explicou brevemente o trabalho desenvolvido pela instituição, destacando os projetos de responsabilidade social. “O programa Asas para Voar carrega importância e significado especiais, pois é a única iniciativa da Escola que não está diretamente ligada a seguros, mercado ao qual pertencemos. É motivo de muita satisfação e orgulho saber que estamos contribuindo para ampliar a cultura e o acesso à informação de futuros cidadãos brasileiros”, declarou.

Na ocasião, o aluno Matheus de Souza, do terceiro ano do ensino médio, proferiu algumas palavras de agradecimento, e o estudante Natan Perrout, do mesmo ano, recitou o poema “Memória”, de Carlos Drummond de Andrade. Ao final, o Colégio convidou a Escola a voltar para ministrar palestras sobre o mercado de seguros aos alunos que se preparam para o vestibular.

A cerimônia também contou com a presença de Neide Albuquerque, responsável pelos Programas de Responsabilidade Social da Escola, e Cleia Farias, diretora-adjunta do Colégio Estadual.

Sobre o programa

O Asas para Voar consiste na doação de livros infanto-juvenis a bibliotecas de instituições públicas de ensino fundamental e médio. Lançado em 2007, já beneficiou escolas e estudantes do Rio de Janeiro, Espírito Santo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Este ano, mais cinco serão contempladas pela iniciativa, com a doação de aproximadamente 1.500 títulos.

Além deste, a Escola mantem outros três programas de responsabilidade social. O Amigo do Seguro qualifica jovens para estágio no mercado de seguros; o Saber Seguro doa livros publicados pela instituição a bibliotecas de sindicatos de corretores e de seguradoras; e o Se Essa Rua Fosse Minha capacita docentes de escolas públicas para abordarem o tema de segurança e educação no trânsito em suas aulas.

Outras Notícias